segunda-feira, 10 de agosto de 2015

ÁGUAS TURVAS

Lá no fundo do poço águas turvas secavam. O meu povo diariamente morre de sede. O rio Cristalino abastecendo as sangas do Rei, Rei este que não olha ao povo, infelizmente os parlamentares têm calado no momento de revelar a verdade, todos eles bebem da mesma fonte comem da mesmo prato de ouro e da mesma comida da mesa de Faraó.

Aguas Turvas

É dada as ovelhas humildes e inocentes acompanhado com os seus momentos sofríveis, são crianças padecendo nas ruas da cidade de Luanda. Águas turvas são os restos das mesas dos imperadores escravizando os judeus carregando a tristeza em seus semblantes. oh apenas quero ver o meu povo a sorrir. Gente barbara sugando as nossas almas comendo o nosso osso aproveitando-se do nosso esforço sem dó deste povo indefeso.

Águas Turvas não dá para beber
Águas Turvas não dá para sustentar a vida
Águas Turvas só trás infelicidade
Águas Turvas só tem um gesto maligno por isso eu desejo apenas ver o meu povo sorrindo.

Só quero ver o meu povo voltar a sorrir

Sem comentários:

Enviar um comentário